BAHIA EM REVISTA

Depois de 14 anos, jogo da Série A será comandado por uma mulher

Depois de 14 anos, uma partida do Brasileiro da Série A será comandada por uma mulher. Na próxima segunda-feira (27), a paranaense Edina Alves vai apitar o confronto entre CSA e Goiás, no estádio Rei Pelé, em Maceió. A última partida da primeira divisão dirigida por uma mulher (Silvia Regina) foi em 2005, no duelo entre Fortaleza e Paysandu, pelo segundo turno.

“Eu só consigo ver meus árbitros como pessoas iguais. Acho que ela serve como exemplo não só para mulheres, mas para todos. Edina era bandeira, abriu mão do escudo da FIFA, de árbitra internacional, porque tinha o sonho de ser árbitra central. Então, ela voltou às categorias de base, começou a apitar na base, largando o escudo internacional de auxiliar. Ela já conseguiu alcançar o quadro internacional como árbitra central e, hoje, está chegando na Série A. Para mim, ela é um exemplo para todo mundo”, disse Leonardo Gaciba, chefe da Comissão de Arbitragem da CBF.

Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.